PALESTRA 01 – RICARDO COSTA

Revitalizar a vida a partir do resgate de nossa identidade em Cristo

Vamos começar nossa conferência definindo a base para todas as reflexões que teremos. Mas antes, pense na sua vida. Como você chegou aqui? Talvez cansado, desanimado e estressado. Hoje em dia podemos dizer que uma palavra que descreve, e tem sido muito utilizada para descrever o momento de muitos é Burnout. Por tanto, como está a sua vida? O seu ministério? Sua família?

Devemos então definir nossa identidade a partir do que Jesus Cristo no diz e não pelo que fazemos ou temos, não pelo nosso momento ou que outros disseram ao nosso respeito. Precisamos entender nossa imagem a partir de quem Jesus é.

Sendo assim, devemos lembrar que fomos criados a imagem e semelhança de Deus. E Deus se revela através da Palavra encarnada, Jesus Cristo. Assim somente através de Jesus é que podemos entender e encontrar nossa verdadeira identidade.

Em Lucas 3.21-38 podemos ver a identidade de Jesus. Jesus é o filho amado que Deus tem todo prazer. Jesus representa a humanidade. As escrituras também nos deixam claro que toda nossa crise de identidade passa pela realidade que a queda produziu em nós.

Para que tudo isso possa ficar claro, vamos fazer um rápido panorama dos oito primeiros capítulos de Romanos. Nos primeiros capítulos vemos que a humanidade de modo geral está em uma condição de rebeldia e, portanto, sob uma vida marcada pela injustiça. Depois as Escrituras nos dizem que a justiça oferecida por Deus está baseada em quem Jesus Cristo é e no que ele fez, sendo que ela é aplicada a nós mediante a fé (concordância) com essa justiça que Deus oferece. E, portanto, uma vez que a justiça é aplicada nada mais poderá nos separar dela. Essa justiça aplicada não nos fornece apenas informações, mas traz uma mudança de identidade (Romanos 5.12-20).

O que você tem passado não representa quem você é. Jesus Cristo é quem define a sua identidade e quem de fato você é. Então entenda o que as Escrituras dizem ao nosso respeito e não as circunstâncias, o ministério, as pessoas, ninguém define sua identidade, porque Jesus já definiu a sua identidade. Contudo, o que importa é entender o que Deus diz de nós. Nós somos filhos amados de Deus. Devemos ter fé no que o Espírito Santo nos diz através das Escrituras.

Não existe revitalização sem fé, sem entrega.

Download do PDF
2019-08-30T11:12:04-03:00

Comentar sobre esse post